Jamilcredi10Anos no Empréstimo Consignado

PORTABILIDADE , REFIN , CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO

FECHAR [X]

PMSP-GOVSP-SPPREV-Siape-INSS

"PORTABILIDADE,REFIN,CARTÃO CONSIGNADO" . Facebook/jamilcredi Curta,simule,contrate!
Grato!

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Transações bancárias : Evolução

                    Realizar depósitos de cheques por meio de smartphones já é uma realidade!                                     As transações bancárias por meio de dispositivos móveis, como smartphones e tablets, cresceram 333% em 2012 sobre 2011.
     Os bancos têm interesse no m-payment, uma vez que apresenta um custo operacional menor que os demais canais de relacionamento. Além disso, cresce o número de usuários de smartphones. Em 2012, eram 52,5 milhões de aparelhos em uso, após um crescimento de 136 % desde 2008. O Ministério das Comunicações estima que em 2014 mais da metade dos telefones móveis usados no país serão smartphones.
     Segundo a Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), 6 milhões de correntistas realizaram 823 milhões de operações, das quais 22 milhões envolveram movimentação financeira. Em 2013 o crescimento deverá ser maior. O Banco do Brasil, apenas em maio contabilizou 84 milhões.O Banco do Brasil desenvolve aplicativos para mobile banking desde 2000, transmitindo informações aos correntistas por mensagem SMS. Em julho de 2012, o BB lançou uma nova estrutura de mobile banking, com aplicativos desenvolvidos especificamente para dispositivos móveis.
     A Caixa Econômica Federal, informa que as transações de mobile banking deram um salto após uma modernização do sistema promovida em dezembro, por enquanto o correntista da Caixa pode fazer operações de consultas, pagamentos e transferências.
     No Bradesco, as transações em maio totalizaram 64 milhões e esse número triplica a cada 12 meses. Em dois ou três anos, o mobile banking será o principal canal de transações para os clientes pessoas físicas.
O banco desenvolveu um aplicativo que permite ao cliente capturar a imagem dos cheques e informar o valor. O correntista é o fiel depositário do cheque, que deve ser guardado até ser realizada a compensação e depois pode ser destruído. Por enquanto, o sistema está em teste nas agências digitais do banco, e a previsão é que o serviço seja estendido a toda a base de clientes até o fim do ano.
A preocupação é com a segurança. Para reduzir riscos, o banco criou uma central de inteligência que monitora as transações em tempo real e suspende, no ato, transações consideradas suspeitas.
      A adesão ao mobile banking , pelo qual é possível realizar consulta de saldo e extrato, fatura de cartão de crédito, pagamentos de boletos, transferências entre contas e recarga de celular é uma tendência e deve crescer.
     Em breve a Jamilcredi trará dicas sobre o futuro de empréstimos também na palma de sua mão.



Fontes:
Por: Domingos Zaparolli
Blog Televendas e Cobrança
 

0 comentários:

Postar um comentário

..........:compartilhar:..........

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More