Jamilcredi10Anos no Empréstimo Consignado

PORTABILIDADE , REFIN , CARTÃO DE CRÉDITO CONSIGNADO

FECHAR [X]

PMSP-GOVSP-SPPREV-Siape-INSS

"PORTABILIDADE,REFIN,CARTÃO CONSIGNADO" . Facebook/jamilcredi Curta,simule,contrate!
Grato!

terça-feira, 28 de abril de 2015

Caixa reduz para 50% valor máximo do financiamento de imóvel usado





A Caixa Econômica Federal, responsável por 70% do crédito imobiliário no país, decidiu reduzir de 80% para 50% o valor máximo do financiamento dos imóveis usados de até R$ 750 mil com os recursos da poupança.





A mudança, que vale a partir da próxima segunda (4), ocorre em meio a forte saída de dinheiro da poupança (os saques superaram os depósitos em R$ 23 bilhões de janeiro a março), principal fonte de financiamento do setor.



A alteração exigirá um valor maior de entrada nos financiamentos de imóveis usados, beneficiando diretamente as construtoras e incorporadoras, que estão com estoque elevado de imóveis encalhados. O setor responde por 5% do PIB, segundo o Sinduscon-SP (sindicato da construção).



Para os imóveis acima de R$ 750 mil, que não têm o dinheiro carimbado da poupança, a Caixa reduziu o valor máximo de financiamento de 70% para 40%.

Além de estimular a construção civil, a mudança tem o potencial de diminuir o ritmo de venda e até os preços dos imóveis usados no país, principalmente se a Caixa for seguida pelos demais bancos.



Segundo especialistas, o financiamento de usados poderá virar um nicho de maior atuação dos bancos privados, que, sem a concorrência da Caixa, poderão trabalhar com taxas e margens ligeiramente maiores de ganho.



NOVOS X USADOS



O segmento de usados sempre predominou no crédito imobiliário no país. No ano passado, do total de R$ 112,9 bilhões de financiamentos concedidos com dinheiro da poupança, 72,2% foram destinados a imóveis usados e 27,8% para a construção.



De janeiro a março deste ano, os imóveis novos só levaram 23,2% dos R$ 24,1 bilhões concedidos para a casa própria. O desempenho de março, que será divulgado nesta semana, mostrará uma retração de 4,6% no volume de empréstimos concedidos.

ENTENDA O QUE MUDA



Sistema Financeiro de Habitação



O Sistema Financeiro de Habitação regula a maioria dos financiamentos imobiliários no Brasil e usa recursos do FGTS ou da poupança.



A mudança da Caixa vale apenas para financiamentos com recursos da poupança. O limite que o consumidor pode parcelar vai cair dos atuais 80% para 50% do valor total do imóvel usado. O restante do valor deverá ser pago como entrada.



Para financiamentos usando recursos do FGTS, as regras não mudam.



O SFH envolve operações com imóveis de até R$ 750 mil em Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e no Distrito Federal; nos demais Estados, o valor é de até R$ 650 mil.



Sistema Financeiro Imobiliário



O Sistema Financeiro Imobiliário rege as operações que não se enquadram no Sistema Financeiro de Habitação.



Para essas operações, a Caixa irá reduzir o limite de parcelamento de 70% para 40% do valor total do imóvel usado.



Minha Casa, Minha Vida



As regras não mudam para os financiamentos de imóveis pelo programa Minha Casa, Minha Vida.

#dica JAMILCREDI EMPRÉSTIMOS CONSIGANDOS







Caixa reduz para 50% valor máximo do financiamento de imóvel usado

0 comentários:

Postar um comentário

..........:compartilhar:..........

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More